Sociedade Online

 
 
Polícia

Irmãos Bordoni são indiciados por sonegação

Operação Citrus atuou no Combate à Sonegação Fiscal Publicada por Maristela de Lima às 08:42, 11/12/2013

Documentos fiscais, computadores, notebooks e celulares dos irmãos Bruno e Leonardo Bordoni de Oliveira, proprietários do Grupo Bordoni, acusados de sonegar R$ 4,8 milhões em ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), foram apreendidos, nesta terça-feira (10), durante operação da Força Tarefa de Combate à Sonegação Fiscal. A “Operação Citrus” cumpriu 11 madados de busca e apreensão em Salvador, Candeiais e Santo Amaro.

De acordo com a polícia, os irmãos Bordoni criaram a JB Refeições Industriais Ltda., que comercializa refeições para indústrias, escritórios, escolas e hospitais do município de Candeias, em nome de dois “laranjas”. A empresa não recolheu o ICMS, originando dívida milionária junto aos cofres públicos.

Donos também de uma locadora de veículos e de uma empresa patrimonial, em Candeiais, os irmãos vivem em condomínios luxuosos de Salvador. Bruno mora no Condomínio Vale do Loire, no Rio Vermelho, e Leonardo, na Mansão Chateau do Horto, no Horto Florestal. A titular do Dececap informou que a Justiça já bloqueou os bens dos dois empresários.

Mais Notícias

Redes sociais
RUA JARDIM FEDERAÇÃO, N° 81, FEDERAÇÃO. CEP: 40239-901 - SALVADOR-BA | TEL.: 3486-3201 - FAX.: 71 3486-3214. © COPYRIGHT 2000-2014 | RÁDIO SOCIEDADE AM - 740 AM - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS